Colunistas
Classificação sofrível e futebol pífio
por Manoel Façanha



Foi dolorido, não somente a classificação dramática conquistada nas cobranças de penalidades contra o retranqueiro Paraguai, nas quartas-de-final da Copa América, mas também ficar preso ao televisor para assistir ao fraco futebol apresentado pela Seleção Brasileira, após um novo empate sem gols na competição.

Como era previsto, o Paraguai apostou na tática do ferrolho, associado a jogar por uma bola diante de um Brasil bem burocrático, que mesmo com 70% de posse de bola, voltou a mostrar a mesma ineficiência nos setores de criação e conclusão.

Também ficou evidente que o time de Tite, apesar de contar com uma defesa sólida, apresenta muitas dificuldades contra adversários que priorizam a forte marcação, isso justificado pela ausência de boa movimentação tática de seus jogadores, associado a falta de variações de jogadas e a boa intensidade do futebol moderno, algo que a seleção de Tite tem dificuldade de apresentar contra seleções mais qualificadas e bem postadas em suas linhas defensivas.

O certo é que a demissão do técnico Tite chegou a bater à porta na última quinta-feira, em Porto Alegre-RS, mas foi abortada pela penalidade defendida pelo goleiro Alisson e também pela melhor eficiência brasileira contra os paraguaios nas cobranças de tiros livres.

E terminado o jogo, uma pergunta que não quer calar aos milhões de brasileiros: Tite continuará empregado após a Copa América? Na minha modesta opinião ele ganhará sobrevida se vencer o torneio sulamericano, mas o “selo” de validade não tem data de vencimento e o lacre poderá ser rompido durante a participação do país nas eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar/2022.

I Copinha Arasuper tem jogos decisivos

Três partidas movimentam na tarde deste sábado (29), no ginásio da Escola do Sesi, a última rodada da fase classificatória da I Copinha Arasuper de Futsal Sub-13, competição que já conta com quatro equipes classificadas às quartas-de-final do torneio (Colégio Ame, CT Edson de Futsal, Escolinha do Metal B e Xavier Maia). Confira os confrontos: Bujari x Escolinha do Metal A (15h), Bola 15 x Colégio Ame (15h30) e Barcelona x Escolinha do Sesi (16h).

AS CURTINHAS

Brasil e Argentina fazem na próxima terça-feira (2) uma das semifinais da Copa América de Futebol.

Na tarde dessa sexta-feira (28), em pleno Maracanã, os hermanos eliminaram os venezuelanos por 2 a 0, assim quebrando uma invencibilidade de três jogos sem vencer a seleção bolivariana.

O confronto com os hermanos não deixa de ser um grande teste ao selecionado brasileiro, pois um triunfo contra o país vizinho elevará a moral do futebol canarinho.

O certo é que o duelo envolverá dois grandes países do futebol sulamericano e ainda movimentará os noticiários e as rodas de bate-papo esportivo durante o final de semana.

E deixando a Copa América de lado, o Galo Carijó tem jogo pra lá de importante neste domingo (30), às 17h, na Arena da Floresta, contra o Volta Redonda-RJ.

Bom dia!

 


© Copyright 2004 - 2019 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte