Notícias
Em vantagem, Paysandu recebe o Atlético-ES no Mangueirão
Copa Verde
16.05.2018 - 00:02 - Pará

O campeão da Copa Verde 2018 será conhecido nesta quarta-feira. Em vantagem após a vitória no confronto de ida, o Paysandu-PA receberá o Atlético-ES no estádio Mangueirão, em Belém-PA. O duelo terá início às 21h30.

No jogo de ida, realizado no estádio Kleber Andrade, em Cariacica-ES, o Paysandu venceu por 2 a 0. Com isso, o clube paraense poderá perder por um gol de diferença nesta quarta. Já o Atlético-ES precisa fazer 2 a 0 para levar a decisão para os pênaltis ou vencer por três gols de vantagem para ficar com o título no tempo regulamentar. Com o critério de gols marcados fora de casa, uma vitória do Atlético-ES por dois gols de vantagem a partir dos 3 a 1 também dará o título ao time capixaba.

A Copa Verde é disputada desde 2014. O Paysandu é o time que mais se destacou na competição desde então, tendo chegado em quatro das cinco finais. Em 2014 e 2017, o clube paraense perdeu o título para Brasília-DF e Luverdense-MT, respectivamente, mas se sagrou campeão em 2016, batendo o Gama-DF na final. Já o Atlético-ES chega à decisão do torneio pela primeira vez na história.

O campeão avançará direto para as oitavas de final da Copa do Brasil 2019, garantindo um prêmio de R$ 2.400.000 como cota de participação na competição. O prêmio dado pela Copa Verde para o campeão será de R$ 168.000.

A expectativa do Paysandu para o jogo de volta é de receber público máximo no estádio Mangueirão. Todos os 28.900 ingressos disponibilizados para venda foram esgotados em apenas três dias após ficarem disponíveis. A carga máxima do estádio é de 35 mil pessoas. Além dos 28.900 comercializados, 2.100 entradas são de gratuidades e 4 mil de entradas reservadas por membros do programa de sócio torcedor do clube.

Foto: Divulgação/Atlético-ES

Ficha Técnica
Paysandu 1 x 1 Atlético-ES
Local:
estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão (em Belém);
Data: 16/05/2018 (quarta-feira);
Árbitro: Anderson Daronco (RS);
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP); 4º árbitro: Andrey da Silva e Silva (PA); 5ª árbitra: Bárbara Roberta da Costa Loiola (PA);
Público pagante: 28900 torcedores; Sócios: 4.000; Credenciados: 2100; Público Total: 35.100; Renda: R$ 1.239.000,00;
Gols: Eraldo aos 39’ do 1º tempo; e Pedro Carmona aos 27’ do 2º tempo;
Cartões amarelos: Diego Ivo (Paysandu); Pedrão, Rhayne e Zé Luiz (Atlético-ES);
Paysandu
Renan Rocha; Matheus Marituba (Maicon), Diego Ivo, Perema e Victor Lindenberg (Matheus Muller); Edimar, Nando Carandina, Renato Augusto e Moisés (Pedro Carmona); Cassiano e Mike. Técnico: Dado Cavalcanti.
Atlético-ES
Rodrigo; Paulo Ricardo, Rhayme, Kleber (Pedrão) e Marcos Felipe; Marcos Vinícius, Franklin, Zé Luiz (Henrique) e Fabiano; Eraldo e Ualisson (Bruno). Técnico: Zé Humberto.

Fonte: Futebol Interior
 
© Copyright 2004 - 2018 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte