Notícias
Técnico do Fast diz que time não disputará final do sub-19
Amazonense-2018
09.08.2018 - 15:50 - Amazonas

A classificação do Fast para a final do Campeonato Amazonense sub-19 ficou em segundo plano para o técnico Darlan Borges. O treinador ficou revoltado com a arbitragem de Rivaldo Silva de Souza, que além de ter o expulsado, também colocou um jogador do Fast para fora antes do fim do jogo e deu 10 minutos de acréscimo.

O comandante da equipe fastiana, por conta disso, ameaçou não colocar o time em campo na decisão de duas partidas contra o Holanda-AM, que começa domingo.

- Prefiro nem falar do jogo, porque nos meus 20 anos de base eu nunca vi a vergonha que aconteceu hoje aqui com esse rapaz apitando o jogo. Várias faltas pra nós ele não dava, não era falta pros caras e ele dava, expulsou jogadores nossos, deu 10 minutos de acréscimo. Tínhamos seis jogadores pendurados e ele tirou os seis da decisão. É uma vergonha. Se depender de mim, o Fast nem joga a final, porque querem tirar o título aqui fora - disse.

Como era de se esperar, Darlan discordou do motivo de sua expulsão. Para ele, trata-se de mais uma decisão errada da arbitragem.

- A minha expulsão foi por causa de um escanteio nítido pra nós que ele deu tiro de meta. Em nenhum momento eu xinguei ele. Aliás, xinguei depois que ele me expulsou, porque todo mundo viu a vergonha que esse cara fez aqui no estádio - concluiu.

Caso Darlan não cumpra a ameaça, o Fast tem encontro marcado com o Holanda, no domingo, para o primeiro jogo da decisão, às 16h, na Colina. O jogo de volta será na próxima quarta-feira, possivelmente a Arena da Amazônia. O Rolo Compressor tem a vantagem de ficar com o título em caso de dois resultados iguais.

Foto: Marcos Dantas
Fonte: Globoesporte.com
 
© Copyright 2004 - 2018 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte