Notícias
Sport e Iranduba ficam no empate sem gols
Brasileirão Feminino
15.08.2018 - 18:06 - Amazonas

Iranduba e Sport empataram em 0 a 0 no estádio Barbosão, em Chã Grande, Pernambuco, na tarde desta quarta-feira (15). O empate deixa o Hulk na terceira colocação do Grupo A1 com 24 pontos, um a menos que o segundo, Kindermann. A vice liderança do grupo, que dá o direito de decidir os jogos da próxima fase em casa, será decidida na última rodada em Manaus na partida entre Iranduba e Kindermann dia 22, às 14h, no estádio Carlos Zamith, Zona Leste de Manaus.

O Sport começou assustando o Iranduba logo no primeiro minuto com uma jogada em velocidade e Thaís pelo lado direito. A camisa 2 rolou para Annaysa chutar, Maike rebateu e Ari, dentro da área, chutou para fora. O primeiro lance do jogo foi uma prévia da pressão que estava por vir das pernambucanas, que tiveram mais posse de bola, mas bem postada a zaga do Hulk conseguia afastar o perigo que rondava a área.

O primeiro lance de perigo do Iranduba foi aos 12 minutos quando a bola sobrou para Cris, que dentro da área chutou em cima da goleira Lorena. A partir daí, as visitantes começaram a equilibrar o jogo. Porém, quando saía para o ataque, o time amazonense investia em jogadas rápidas, mas a pressa fazia com que o time errasse muitos passes no meio campo.

Outro problema era a nítida falta de entrosamento de Moara e Gabi Neymar no ataque. Por vezes, uma tentava tocar a bola para a companheira, mas o passe saía errado ou uma não acompanhava a outra, como aos 31 minutos após Djeni levantar bola na área, Moara rolou para Gabi, ela fez que ia chutar, mas tentou devolver a bola, mas Moara não acompanhou.

O Iranduba continuava tentando principalmente pelo lado esquerdo com Gisele levantando bola na área, em uma delas Moara, deu uma casquinha na bola e ela sobrou para Amanda Brunner, porém a jogadora foi travada. Na última chance do primeiro tempo, Gabi chutou da meia lua, mas o tiro saiu fraco e ficou fácil para Lorena defender.

No segundo tempo, o Sport voltou ainda mais agressivo. Aos três minutos Nycole saiu carregando a bola pela direita e chutou por cima da meta de Maike. No minuto seguinte Receba chutou de longe, a bola passou na frente do gol sem que ninguém completasse para abrir o placar. Bea também tentou após ficar livre de macacão, ela chutou e Maike defendeu novamente.

O técnico Adilson Galdino sacou Cris e Moara e promoveu a entrada de Mayara e Kelen. Com o time mais ofensivo, o Hulk começou a criar suas chances. Aos 17 minutos, Djeni rolou para Kelen, que chutou cruzado, mas a bola foi para fora. Dois minutos depois, Gisele roubou bola no meio campo, rolou para Amanda Brunner, e recebeu de bola enfiada, mas Lorena defendeu. Quando não era Mayara que chutava, ela participava da jogada como aos 31 minutos quando ela rolou para Kelen ajeitar e ver a bola se perder na linha de fundo.

No fim do jogo, a agonia do Sport, que precisava vencer aumentava isso fez que a equipe se lançasse ao ataque e foi nessa hora que Maike apareceu para evitar que o Sport abrisse o placar com um contra ataque puxado por Ingryd. Ela rolou para Bea, que na entrada da área passou para Otti chutar. Jujuba tirou. No rebote Ingryd chutou, mas Maike defendeu.

Foto: Anderson Freire/Sport
Fonte: Jornal A Crítica
 
© Copyright 2004 - 2018 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte