Notícias
Holanda garante título do Torneio "Somos Todos Educandos"
Solidariedade
23.12.2018 - 18:28 - Amazonas

A tarde deste sábado, na Arena da Amazônia, em Manaus, uniu oito dos principais times da capital amazonense para a disputa de torneio solidário em prol das famílias vítimas do incêndio que destruiu 600 casas no bairro do Educandos, na última segunda.

Objetivo do torneio, que reunia times como Sul América, Holanda, Manaus, Associação de Torcidas Organizadas do Nacional (Aton), América, São Raimundo, Fast e Torcida Rio Negrina, foi arrecadar donativos como alimentos não perecíveis, roupas, brinquedos, produtos de higiene pessoal e limpeza.

E o torcedor que foi à Arena da Amazônia, viu a equipe do Holanda-AM sub-19, que vai disputar a Copa São Paulo de Futebol Júnior se sagrar campeã ao derrotar o Sul América na final por 3 a 0.

A final

Na final do mini-torneio, Holanda-Sub19 e Sul America fizeram uma partida agitada. O Laranjão, que treina junto há três meses em preparação para a Copinha, ficou com a bola na maior parte do primeiro tempo, sendo premiado aos 12 minutos, com Lucas Espiga. O atacante recebeu passe na entrada da área e arrancou para vencer o goleiro Guanair Jr. Dois minutos depois, Espiga voltou a marcar. O camisa 11 do Holanda sofreu pênalti e pegou a bola para a batida. No chute, o goleiro adversário defendeu, mas Lucas pegou o rebote e marcou o segundo dele. Logo no início do segundo tempo, Veriano Junior cruzou da direita e Bruno apareceu dentro da área para marcar o terceiro do Holanda e deu números finais a partida.

Semifinais

Na primeira semifinal, o Sul América enfrentou o Nacional. Nos primeiros 15 minutos, o Sulão dominou a partida, com mais trocas de passes, inversões de jogadas, mas sem concluir a gol. O Naça, que foi a campo com uma equipe formada por torcedores do clubes, insistia em contra ataques. Sem gols no segundo tempo, a partida terminou empate e foi decidida nos pênaltis. Rogério Pedra, Marinho e Magno converteram para o Sulão e colocaram a equipe na final do torneio. Do outro lado, João Pedro e Igor Thierry marcaram, enquanto Alisson errou a última cobrança.

Segundo jogo

No jogo que decidiria o adversário do Sulão na final, o Holanda Sub-19 encarou o América. As equipes fizeram um primeiro tempo muito igual, com trocas de passes no meio e raras jogadas de profundidade. Sem criar chances claras de gol, os times trocaram de lado com o placar igualado.

Logo no início do segundo tempo, Lucas Espiga aproveitou sobra de bola dentro da área e abriu o marcador para o Holanda. O centroavante do Laranjão voltou a marcar depois de receber passe de Vitinho, na pequena área. Espiga só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo das redes. A polêmica do jogo aconteceu no intervalo, quando o treinador do América acusou o quarto árbitro de ter o empurrado quando ele tentou conversar sobre uma jogada. O técnico ameaçou tirar a equipe de campo, mas no fim, não tirou.

Primeira fase

Sul América goleia o São Raimundo

No primeiro jogo, o Sul América dominou o Sao Raimundo no primeiro tempo e controlava o jogo. Aos 9 minutos, a insistência do Sulão deu resultado. Após arrancada pela ponta esquerda, Derick chutou cruzado, no canto alto do goleiro adversário para abrir o placar. No segundo tempo, aos 2 minutos, Magno chutou de fora da área para ampliar o marcador e colocar o Sula a um passo da próxima fase. O terceiro gol saiu dos pés de Alex Costa, aos 10 minutos, quando recebeu passe dentro da pequena área e só teve o trabalho de colocar a bola para o fundo das redes. Herrison, que está de volta ao futebol amazonense marcou o quarto. Para dar números finais, Antony testou a bola para o fundo do gol, no último lance da partida. Placar final: 5 a 0 para o Sulão.

Naça supera Galo nos pênaltis

Rio Negro e Nacional fizeram a segunda partida do torneio solidária e, como esperado, o clássico Rio-Nal foi pegado. Após placar inalterado no primeiro tempo e na segunda etapa, a partida foi decidida nos pênaltis. O Nacional venceu por 2 a 1, com gols de João Pedro e Igor Thienry.

Holanda vence o Manaus nas penalidades

Tenso. Assim pode ser definida a primeira parte do jogo entre Manaus e Holanda Sub-19. Com menos de cinco minutos o Laranjão viu Leandro dar entrada forte no atacante do Gavião e ser expulso. Com o passar dos minutos, o Holanda ficava com a bola, mas sem conseguir criar a gol.

Na segunda etapa, o panorama foi outro. O Manaus dominava o jogo e ficava com a bola. As principais jogadas sairam de bolas paradas, quando Hamilton e Jean Carlos chegavam para finalizar, mas sem ter sucesso. E, com o placar inalterado, a partida foi para os pênaltis. No Manaus, Jean Carlos e Leandro erraram a batida, e apenas Hamilton guardou a bola no fundo das redes. No Holanda, Lucas Espiga e Max fizeram os gols e classificaram o Laranjão.

América leva a melhor

No último jogo da primeira fase, o time máster do América enfrentou a garotada sub-17 do Fast. Um duelo de extremos. No primeiro tempo, um jogo muito brigado, sem muitas oportunidades para ambas equipes. O Tricolor, quando tinha a bola, fazia o adversário correr pela lateral e tentava cruzar para a área, mas sem sucesso. Do outro lado, o América tentou a mesma jogada pelo alto e conseguiu seu gol apos cabeceada de Diego. No segundo tempo, um jogo mais aberto. O América começou a gostar mais do jogo, chegou a sair duas vezes na cara do goleiro fastiano, mas acabou parado pelo arqueiro.

Foto: Rômulo Almeida


América leva a melhor

No último jogo da primeira fase, o time máster do América enfrentou a garotada sub-17 do Fast. Um duelo de extremos. No primeiro tempo, um jogo muito brigado, sem muitas oportunidades para ambas equipes. O Tricolor, quando tinha a bola, fazia o adversário correr pela lateral e tentava cruzar para a área, mas sem sucesso. Do outro lado, o América tentou a mesma jogada pelo alto e conseguiu seu gol apos cabeceada de Diego. No segundo tempo, um jogo mais aberto. O América começou a gostar mais do jogo, chegou a sair duas vezes na cara do goleiro fastiano, mas acabou parado pelo arqueiro.

Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2019 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte