Notícias
Para Yoreli Rincon, muita coisa atrapalha no Iranduba
Brasileirão Feminino
18.05.2019 - 12:31 - Amazonas

A meia Yoreli Rincon foi uma das poucas jogadoras do Iranduba que toparam falar após o empate desta sexta-feira com o Foz Cataratas, no Estádio da Colina, que deixou o clube em situação delicada após a 9ª rodada do Brasileirão feminino.

A colombiana usou um tom mais crítico para falar sobre a fase da equipe, revelando que fatores externos têm atrapalhado o trabalho.

- Tem muita coisa que atrapalha fora de campo. A gente está tentando fazer o melhor trabalho, mas tem muitas coisas que ninguém sabe. Não sei o que acontece, mas vocês podem ver que a gente vai, procura a bola, faz jogadas de gol, mas ela não entra. É difícil - disse.

Mas ao ser perguntada sobre o que de fato vem de fora e atrapalha o Iranduba, Yoreli recuou e não quis entrar em polêmica.

- Não sei, isso aí tem que falar com o presidente, não comigo - resumiu.

Esta foi a última partida do Iranduba antes da parada para a Copa do Mundo de futebol feminino. O Hulk só volta a campo no dia 10 de julho, para enfrentar o Vitória de Santo Antão-PE. Para Yoreli, a pausa no calendário será fundamental para ajustar as coisas na equipe.

- É bom para a gente começar a formar o time porque, a princípio, ninguém treinou como deveria para disputar um torneio da categoria do Brasileirão. Agora temos que usar esses 40 dias para treinar, correr e corrigir, quem sabe trazer jogadoras e fazer um trabalho tático, que falta muito. Vamos ver como vai ser - disse.

Foto: Marcos Dantas
Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2019 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte