Notícias
São Raimundo investiga agressões contra Amazonas FC na final
Bastidores
24.11.2019 - 15:53 - Amazonas

O São Raimundo se pronunciou de forma oficial pela primeira vez após torcedores do clube terem sido denunciados por agressões e vandalismo no dia da final da Série B do Amazonense. Na ocasião, o Amazonas venceu o Tufão por 3 a 1 e foi campeão.

Em comunicado emitido nas redes sociais, a diretoria do clube, por meio do diretor de futebol Anderson Belchior, prometeu colaborar nas investigações e deixou claro que não vai proteger ninguém que tenha se envolvido na confusão.

- Já está trabalhando em conjunto com as autoridades para identificar os culpados das agressões covardes contra membros da comissão técnica e jogadores do nosso adversário. A diretoria não vai proteger nenhum torcedor que participou desse ato repulsivo. Além disso, também identificará os responsáveis por atirar rojões no gramado da Colina após o apito final - diz a nota.

O clube também reconhece o risco de ser punido por conta do caso. A preocupação é perder mandos de campos, além de multas, já na próxima edição do Amazonense, que começa dia 22 de janeiro.

- Informamos que já estamos cientes da possibilidade de perder mandos de campo na próxima Série A, resultando além do prejuízo técnico por jogarmos longe de nossos torcedores, em prejuízo financeiros - completou.

O Tufão estreia no estadual contra o atual tricampeão Manaus, no dia 22 de janeiro, na Arena da Amazônia. A diretoria aproveitou o comunicado oficial para divulgar uma seletiva para buscar talentos.

- Realizaremos uma peneira no município de Parintins (a 369 quilômetros a leste de Manaus). Na ocasião, contaremos coma presença do ídolo Delmo ao lado de membros da comissão técnica e diretoria - finalizou.

Comunicado na íntegra

O São Raimundo Esporte Clube, através do seu diretor de futebol, Anderson Belchior, vem por meio desta se posicionar diante dos fatos ocorridos na última semana. A diretoria frisa que a história do Tufão da Colina está acima de qualquer desejo pessoal. Por isso, todas as atitudes necessárias serão tomadas para que fatos como este não manchem a imagem do clube.

1) Após as cenas lamentáveis ao término do duelo entre Amazonas e São Raimundo, no último dia 16 (sábado), a diretoria do Alviceleste informa que já está trabalhando em conjunto com as autoridades para identificar os culpados das agressões covardes contra membros da comissão técnica e jogadores do nosso adversário.

- Informamos que já estamos cientes da possibilidade de perder mandos de campo na próxima Série A, resultando além do prejuízo técnico por jogarmos longe de nossos torcedores, em prejuízo financeiros.

- A diretoria não vai proteger nenhum torcedor que participou desse ato repulsivo. Além disso, também identificará os responsáveis por atirar rojões no gramado da Colina após o apito final.

2) Queremos comunicar também que em dezembro, realizaremos uma peneira no município de Parintins (a 369 quilômetros a leste de Manaus). Na ocasião, contaremos coma presença do ídolo Delmo ao lado de membros da comissão técnica e diretoria. Em breve, daremos mais detalhes através da página oficial no Facebook.

3) Na próxima semana, lançaremos uma ‘Vaquinha online’ para arrecadar o valor referente as dívidas acumuladas na Série B do Campeonato Amazonense, taxa anual da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e pagamentos de passagens e BIDs dos jogadores que estão sendo contratados para a Série A. Ao colaborar com a campanha, o torcedor receberá kits com produtos oficiais do São Raimundo.

Atenciosamente
Anderson Belchior
Diretor de Futebol

Entenda o caso

De acordo o diretor financeiro do Amazonas FC, Lissandro Breval, o funcionário do clube, que prefere não ser identificado por medo de represálias, foi agredido por vários torcedores do São Raimundo após a partida e aproveitaram que a administração do estádio apagou as luzes rapidamente.

O funcionário concedeu entrevista ao site o Impacto, mas preferiu não se identificar. Ele explica que estava aguardando próximo ao ônibus do clube quando um grupo de torcedores correu atrás dele e de outros companheiros. Eles se dividiram e ele acabou indo para uma parte escura do estádio, pois as luzes haviam sido apagadas.

Foto: Divulgação
Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2020 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte