Notícias
Exames apontam lesões graves e Nelsinho está fora do Amazonense-2020
Baixa
26.01.2020 - 13:34 - Amazonas

Presente no estádio Carlos Zamith para acompanhar a vitória do São Raimundo sobre o Penarol por 1 a 0, o goleiro Nelsinho comentou a lesão sofrida na última terça, no jogo contra o Manaus FC, e declarou que vai tomar medidas judiciais.

Isso porque na visão dele as lesões não foram causadas por falha humana ou acidentais, mas sim por conta da situação do gramado da Arena da Amazônia. Ele realizou uma ressonância magnética nesta sexta, e os exames apontaram ruptura do ligamento cruzado, estiramento do ligamento lateral e fratura na tíbia. O tempo mínimo de inatividade é de seis meses.

- Estamos procurando primeiro resolver a lesão. Depois que tiver tudo encaminhado, se tiver a cirurgia ou não, vamos ver o que teremos que fazer. Resolvendo isso, vamos dar entrada para fazer as coisas mais certas. Eles disseram que o campo estava em perfeitas condições de jogo, que tinha sido uma lesão normal, mas não foi isso que aconteceu - disse Nelsinho, ao completar:

- Temos provas que o campo não tinha nada de perfeitas condições. Campo de pelada. Como os caras deixam o campo naquela situação para o futebol profissional. Vamos correr atrás de tomar as devidas providências e, quem sabe, futuramente, saímos com um resultado bom (na justiça) - falou.

O arqueiro do Tufão está fora da temporada. Segundo o laudo médico, Nelsinho sofreu uma ruptura no ligamento cruzado, estiramento do ligamento lateral e fratura na tíbia. Ao que tudo indica, a recuperação deixaria Nelsinho de seis a oito meses parado para recuperação.

Entenda o caso

Na abertura do Campeonato Amazonense, o Manaus derrotou o São Raimundo por 3 a 0, na Arena da Amazônia, sob um gramado que gerou críticas. Em uma reposição de bola no primeiro tempo, o goleiro Nelsinho revelou ter pisado em um buraco, segundo ele, e acabou saindo de campo contundido. O gramado recebeu duras críticas de atletas e treinadores.

Em resposta, o governo afirmou que o gramado da Arena estava em boas condições para receber jogos. Na sexta, a Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar) solicitou que Federação Amazonense de Futebol (FAF) alterasse a data de alguns jogos que seriam realizados na Arena para que ela recebesse reparo no gramado.

Foto: Rômulo Almeida
Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2020 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte