Notícias
Adriano diz que classificação dá tranquilidade ao Galvez
Série D
23.11.2020 - 14:00 - Acre

O Galvez passou com tranquilidade pelo Independente-PA, no último sábado (21), com uma goleada por 7 a 1, na Arena Acreana, em Rio Branco (AC), em confronto da 13ª rodada do grupo 1, e garantiu a classificação para o mata-mata do Campeonato Brasileiro da Série D restando uma rodada para o fim da fase de grupos.

Autor de dois gols na partida, o atacante Adriano diz que esperava mais dificuldade imposta pelo rival, mas acredita que a intensidade aplicada pelo Imperador somada aos 3 a 0 aberto com 15 minutos de jogo acabaram tornando o desafio menos complicado.

– Foi um jogo que a gente achou que ia ser mais complicado, que o time deles ia impor um pouco mais de dificuldade. Mas no começo da partida a gente já conseguiu impor um ritmo mais forte do que eles, conseguimos fazer um placar elástico de 3 a 0, que é uma vantagem muito grande. A gente esperava um jogo difícil, esperava um time aguerrido porque eles tinham totalmente chance de classificação ainda. Não esperava um jogo como foi – afirma.

Para o camisa 10, o resultado deixa o time acreano sem pressão para a última rodada, quando enfrenta o Fast-AM, fora de casa, e não esconde que o pensamento já passa a ser o mata-mata. Segundo ele, a ideia é somar ponto, se possível vencer para melhorar a posição na classificação, e tentar evitar um rival “teoricamente” mais difícil na próxima fase.

– Com certeza a gente vai com a cabeça mais tranquila, com outro pensamento, de não perder jogadores. Creio que a partida mais importante já é o mata-mata. Mas a gente também vai pra lá com a intenção de não perder. Se vir um empate está bom, se vir uma vitória está melhor ainda porque quanto mais nós ficarmos na parte de cima da tabela, teoricamente teremos um adversário mais fraco. É tentar se livrar das cabeças de outras chaves e focar que a semana já começa vamos ver o que o professor vai fazer durante a semana pra colocar o melhor time dentro de campo.

Após marcar o primeiro gol dele no jogo, o terceiro do Imperador na partida, Adriano comemorou erguendo a mão esquerda com o punho cerrado, uma homenagem aos negros e contra o racismo. O atacante conta que havia conversado com o pai antes do jogo e comentado que faria o gesto caso marcasse um gol.

– A comemoração foi em homenagem ao Dia da Consciência Negra, que foi na sexta-feira (20), e também a todos os negros porque, querendo ou não, a gente por ser negro já sofre um preconceito maior, ainda mais no futebol, que cada vez mais está sendo falada a discriminação dos negros, sendo chamados de macaco, sendo vítimas de racismo. E foi uma comemoração que eu falei pro meu pai que se fizesse um gol ia comemorar com o símbolo contra o racismo. Graças a Deus fui feliz, pude fazer gol e cumprir com minha palavra. É uma homenagem aos negros do Brasil e do mundo todo, pois somos merecedores. A gente merece tudo, não é porque somos negros que somos diferentes – ressalta.

O elenco do Galvez volta aos treinos na tarde desta segunda-feira (23), no CT Forte Imperador, em Rio Branco, iniciando a preparação para a partida contra o Fast. O jogo da 14ª e última rodada da fase de grupos é no sábado (28), no estádio da Colina, em Manaus (AM), às 16h (de Brasília).

Foto: Manoel Façanha
Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2021 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte