Notícias
PM suspende segurança no estádio e clubes devem mandar jogos na Série D fora do Acre
Bastidores
24.11.2020 - 18:48 - Acre

A caminhada dos clubes acreanos na sequência do Campeonato Brasileiro da Série D deve ficar mais complicada a partir desta semana. Isso porque a Secretária de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) emitiu um ofício à Federação de Futebol do Acre (FFAC), nesta terça-feira (24), anunciando que não fará mais a segurança dos jogos.

De acordo com o presidente da FFAC, Antônio Aquino Lopes, no documento a secretaria argumentou que a medida está sendo tomada devido à pandemia da Covid-19, sugerindo a contratação de segurança particular para as partidas, o que não é possível segundo o dirigente.

- Na lei (Estatuto de Defesa do Torcedor) não permite jogos com segurança privada, tem que ser oficial do poder público, fardado. Nós mandamos (outro ofício) pra eles para reconsiderar o pedido porque nosso futebol vai ser prejudicado com essa atitude - explica.

O ge entrou em contato com a assessoria da Sejusp, que disse ainda não ter sido informada pelo gabinete sobre o recebimento do ofício da FFAC e, por enquanto, fica mantida a decisão.

Em nota, a Sejusp informa que não tem obrigação de mandar policiamento ao estádio, já que não há presença dos torcedores nos jogos em virtude da pandemia do novo coronavírus.

Foto: Manoel Façanha


A medida entra em vigor a partir dos confrontos da última rodada da Série D. Ou seja, o duelo entre Atlético-AC e Ji-Parará-RO, agendado para ser disputado na Arena Acreana, na capital, no próximo sábado (28), válido pela 14ª rodada do grupo 1, deve ser transferido para fora do estado.

De acordo com Antônio Aquino Lopes, Manaus (AM), é a cidade mais cotada para se transformar em 'casa' dos times acreanos. Rio Branco-AC e Galvez seriam afetados nas partidas da segunda fase. Ambos já encerraram seus compromissos no Acre na fase classificatória.

A nota na íntegra:

"A Secretaria de Segurança Pública do Acre informa que a medida de suspender o policiamento nos jogos oficiais disputados na capital acreana, tem como base o próprio artigo 14 do Estatuto do Torcedor. Nele está previsto que a responsabilidade do poder público é garantir a segurança dos torcedores dentro e fora do estádio, porém, a presença de público nos estádios está suspensa, sendo assim, não se justifica o emprego de guarnição da polícia nos eventos. A SEJUSP informa que o policiamento que era enviado aos estádios, será colocado nas ruas, para aumentar e garantir a segurança e o bem estar da população."

Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2021 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte