Notícias
Igor Cearense minimiza expulsão de Binho após derrota
Manaus FC
19.03.2017 - 15:50 - Amazonas
Foto: Marcos Dantas

O Manaus FC chegou a ter o jogo contra o Nacional, neste sábado, nas mãos, mas a expulsão de Binho fez as coisas virarem de cabeça pra baixo e o Gavião sair com um revés logo na estreia do Campeonato Amazonense. O técnico Igor Cearense minimizou a culpa do atacante, a dividiu com todo o grupo.

- A gente tem conversado com os atletas que não adianta reclamar de arbitragem. Depois que apitou não tem jeito, tem que manter a tranquilidade. A culpa não é só do Binho, é do grupo todo, incluindo a comissão técnica. Acabou sendo fundamental a expulsão dele, mas a gente tem trabalhado a mente desses atletas para não ser como foi ano passado, com a gente perdendo um jogador em todo jogo – disse.

Ele admitiu que em alguns momentos o time se deixou levar pela pressão psicológica do Nacional e caiu na “pilha” adversária.

- Tem que ser inteligente. Os jogadores provocaram e a gente acabou em uma ou duas bolas tomando cartão por reclamação. Infelizmente, no meu ver a bola já havia passado e não havia perigo da penalidade, mas ele apitou e eu não estou aqui para julgar ninguém. Isso não é desculpa – completou.

Ainda assim, ele afirma que o rendimento do time, bem ou mal, foi satisfatório.

- Acredito que os jogadores entraram com bastante velocidade, que foi o que a gente implantou. Não é fácil correr com um a menos, mas o grupo tá preparado para isso. Tivemos algumas oportunidades de gol, mas alguns detalhes definiram a partida – concluiu.

Fonte: Globoesporte.com
 
© Copyright 2004 - 2017 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte